Index
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Faça do Brasil Azul sua Página Inicial
Adicione aos Favoritos
Coloque o Brasil Azul no seu Site
Guia de viagem do litoral brasileiro
   
English
Français
Español
Publicidade
Mundo Digital



Vídeo Digital


O vídeo digital tem inúmeras aplicações, entre as quais podemos destacar o vídeo doméstico (gravado em filmadora digital e reproduzido em um aparelho de DVD, por exemplo), o vídeo processado em computador (gravado em filmadora e editado no PC), o vídeo produzido no computador (totalmente elaborado no pc, através de softwares de vídeo), o vídeo para cinema ou televisão (produzidos para exibição nestes veículos), o vídeo de segurança (utilizando webcams ou câmeras IP para vigiar imóveis, ambientes e ruas) e o vídeo para Internet (novamente com emprego de webcams e câmeras IP para contatos pessoais, teleconferências, monitoramentos diversos).



Câmera de vídoe digital


Em geral, cada mídia tem sua própria exigência em termos de padrões, formatos e recursos. No PC, por exemplo, além de um bom processador e uma boa placa de captura, o vídeo requer uma grande performance e memória do computador.

Como necessitam de muito espaço de armazenamento, foram desenvolvidos vários sistemas de compressão de vídeo, conhecidos como codecs (codificadores/decodificadores).



Filmadora digital
Filmadora digital



Hoje em dia, é possível obter vídeos a partir de diversos dispositivos. De uma filmadora (digital ou analógica), de uma câmera fotográfica, de um aparelho celular, de um dvd ou da Internet (atividade muito popular depois do YouTube).

Muito provavelmente, cada vídeo será gravado num formato diferente. É preciso, então, utilizar um software para fazer a conversão, como o Easy Video Converter 7.2.7, o Total Video Converter 3.10 ou o McFunSoft Video Solution 7.9.




Cruzeiros Marítimos

Hospede-se bem


Estes softwares realizam a conversão dos principais formatos de vídeo digital disponíveis na web, que são o MPEG (abreviatura de Moving Picture Experts Group), o AVI (de Audio Video Interleave), o MOV (abreviatura de Movie) e o FLV (de Flash Vídeo). Cada software apresenta um desempenho diferente em relação à qualidade e resolução da imagem.

Publicidade




Ao mesmo tempo, muitos ainda optam pela gravação de vídeo em fitas magnéticas, principalmente no formato conhecido como DV (Digital Video), de qualidade superior ao VHS, também utilizado.

O MiniDV, um dos mais populares tipos de fita, além do tamanho reduzido, oferece a vantagem de poder ser capturado diretamente no computador.

Há também no mercado, placas para digitalizar vídeos gravados no sistema analógico. Enfim, na era do YouTube, fazer vídeos tornou-se uma mania mundial.





MiniDV

MiniDV

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


copyright